Blog

China vai obrigar internautas a usar nomes reais na web

Via Olhar Digital

Depois de reprimir softwares que permitem que os usuários acessem redes sociais e serviços de e-mail bloqueados no país, a China vai exigir que usuários de sites, fóruns e serviços sociais online se registrem utilizando nomes reais, a partir de 1º de março.

A política já foi implementada anteriormente. Em 2012, numa tentativa de controlar comentários nocivos na rede, o serviço de microblogs Weibo exigiu os nomes reais de seus usuários.

“Rumores espalhados por contas falsas têm poluído a rede, prejudicado os interesses das massas e violado gravemente os valores socialistas”, justificou o órgão chinês que controla a internet. Segundo o Wall Street Journal, as próprias empresas de internet serão obrigadas a aplicar o regulamento e rastrear usuários que não cumprirem a política

Acesso à informação

Um relatório do governo divulgado nesta semana indica que a China possui 557 milhões de usuários de internet, um aumento de 5% por ano que leva o acesso à internet a 47,9% da população.

O crescimento da penetração da internet, especialmente a partir de dispositivos móveis, tem se tornado um grande problema para o governo chinês, que se esforça para ter controle sobre notícias e informações publicadas no país.